Will Tirando: tirinhas de Will Leite

Meu primeiro contato com as tirinhas do Will Leite foi quando alguém compartilhou uma delas no Facebook – eu não me lembro qual era, mas lembro que gostei bastante. Tanto que quis conhecer mais do trabalho e fui parar no Will Tirando.

Isso aconteceu lá pelos idos de 2014, mais ou menos, quando comecei a acessar o blog diariamente. Tá bom, confesso que, na verdade, acessava de segunda a sexta pra fugir do estresse ou do tédio do trabalho… E, tenho que dizer, funcionava! As tirinhas do Will sempre me faziam (fazem) rir e, às vezes, rir e pensar ao mesmo tempo.

Em 2015, para comemorar os cinco anos de existência do site, o cartunista resolveu que era hora de publicar as tiras em livro e lançou a campanha de financiamento coletivo pelo Catarse. Infelizmente, não consegui ajudar com a campanha, mas, no final do ano, consegui me dar de presente um exemplar de Will Tirando nº 1 mais um calendário com uma tirinha da Dona Anésia para cada mês do ano 🙂

Para quem acompanhava Dona Anésia pelo blog – calma! Mais pra frente eu falo um pouquinho mais sobre ela pra você saber quem é a “peça”… -, o livro é realmente um presente: além das 20 páginas inéditas (até então) de tiras com essa personagem, ainda a encontramos de vez em quando nos cantos das páginas comentando as tiras das outras personagens. Sem contar com o cuidado do Will Leite que autografou o livro e mandou um marcador de páginas junto.

Marcador-autógrafo (1)

As tiras são distribuídas em quatro temas: Cotidiano, O pior namorado do mundo, Viva intensamente e Dona anésia, que meio que acompanham as categorias do que era/é publicado no Will Tirando.

Em Cotidiano, encontramos personagens com as quais temos quase certeza de que já encontramos por aí na rua, no mercado, no transporte público, vivenciando situações que, por mais malucas ou esdrúxulas que sejam, são perfeitamente verossímeis. 

Canto-Anésia

Logo em seguida, O pior namorado do mundo nos vai lembrando daqueles acontecimentos nonsenses que povoam os namoros em geral – às vezes, você se identifica com o sem noção, outras vezes, você é aquele que levanta a sobrancelha e faz cara de ué.

O pior namorado do mundo

Já em Viva intensamente os cachorros estão lá para jogar na nossa cara o quanto o mundo dos humanos parece uma selva desumana…

Viva intensamente.jpg

E, finalmente, Dona Anésia nos agracia com o seu mau humor e as suas tiradas ao estilo “Seu Saraiva de tolerância zero”. O interessante dessa personagem é que, como leitor, a gente varia entre as reações de “Nossa, queria ter dito isso pro fulano!” ou “Eita! Precisava responder assim…”. 

dona-anc3a9sia.jpg

Nas páginas inéditas de Dona Anésia e a irmã mais velha, conhecemos uma história do passado que repercute no presente e acabamos por concluir que algumas coisas nossas, como trejeitos e modos de ser, por mais que pensemos ser únicos, vêm todos da família.

irmc3a3-mais-velha.jpg

É por isso tudo, e por muito mais, que é muito fácil se identificar com as personagens e situações retratadas em Will Tirando. Essa identificação faz a leitura fluir de maneira leve e natural, pois aquele mundo no papel parece (é) o nosso mundo aqui de carne e osso, e aquelas pessoas (malucas) das tiras somos todos nós.

Capa livro

Publicação Independente
Título:
Will Tirando nº 1
Autor: Will Leite
Páginas: 136
Valor de capa: R$ 33,00


Para quem quiser saber mais:

Blog: http://www.willtirando.com.br/
Twitter: https://twitter.com/willleite
Facebook: https://pt-br.facebook.com/willtirando.blog/
Instagram: https://www.instagram.com/will.tirando/?hl=en

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s