Festival Guia dos Quadrinhos alia tradicional mercado de pulgas e novas publicações

Você já ouviu a expressão “mercado de pulgas”? Se você fizer uma busca na internet, vai encontrar que a origem vem de uma famosa feira de troca e venda de produtos usados ou artesanais, no subúrbio da França, em Saint-Ouen. A tal feira de antiguidades, chamada “Marché aux puces”, cresceu e atualmente engloba uma dezena de mercados em vários lugares.

Sei que para algumas pessoas pode parecer uma chatice essa introdução toda, mas ela é fundamental para entendermos um pouco mais sobre o Festival Guia dos Quadrinhos que, até 2013, chamava-se Mercado de Pulgas (viu?).

Apesar de organizado desde 2009, a minha primeira visita no festival foi neste sábado, dia 14 de abril, no Club Homs, da Avenida Paulista. Tive a grata oportunidade de conhecer o evento pelo Cabruuum, credenciado com a Paulinha, mais uma colaboradora estreante em FGDQ.

Antes de começar a contar sobre nossa experiência, vale um registro. Para entrar, os visitantes desembolsavam R$ 25 no sábado e R$ 20 no domingo. O detalhe é que esse valor era referente à meia-entrada até que a organização optou por estender o desconto de meia a todas as pessoas. Crianças até 10 anos e pessoas acima de 60 anos não pagavam.

Por dentro do Festival

Os corredores no Centro dos Artistas estavam cheios no sábado à tarde, mesmo com algumas atrações ocorrendo simultaneamente em um auditório próximo. Nas mesas, notamos alguns rostos bem conhecidos de outros eventos, assim como esbarramos em artistas dando voltas na feira como visitantes à paisana (que logo eram parados por conhecidos para bater papo).

O grande destaque do Festival, em termos de lançamento, sem dúvida foi Vertigo: Além do Limiar. A obra financiada pelo Catarse, em março, reuniu 25 autores (entre roteiristas, jornalistas e editores) e 25 ilustradores para dar vida a um livro-tributo comemorativo que relembra a história do selo de quadrinhos adultos da DC Comics e seus títulos mais importantes.

Vertigo: Além do Limiar
Crédito: projeto Catarse

Alguns destes convidados que participaram do livro, como Cassius Medauar (JBC), Luigi Del Manto (Devir) e Sidney Gusman (Mauricio de Sousa Produções), estiveram no auditório para contar algumas histórias e, depois, foram para o palco principal do evento para sessão de autógrafos.

Duas exposições também chamaram atenção do público: uma sobre os 25 anos do selo da DC Comics e uma com artes originais do artista homenageado, Octavio Cariello.

Mercado de quadrinhos raiz

Gente trocando gibis, pechinchando, arrematando raridades em leilão. Estas atividades realmente dão uma atmosfera diferente de outros eventos de quadrinhos a que já havia ido. Isso foi bem legal, parecia que a qualquer momento poderia aparecer aquela chance imperdível de levar algo que você nem sabia que precisava.

Festival Guia dos Quadrinhos_Area de troca
Crédito: Festival Guia dos Quadrinhos/Facebook

De tempos em tempos, o locutor indicava promoções. O Manual do Zé Carioca, lançamento da editora Abril, estava com 30% de desconto no espaço da Comix. Carlos Herrero, simpático desenhista do Manual e um dos criadores do personagem Morcego Vermelho, estava lá para autografar.

Há quem tenha preferido aproveitar os descontos dos bonecos Funko Pop, como nosso amigo/colecionar do canal Afronerd. Ele diz ter relutado, mas que, como colecionador, não conseguiu deixar passar a oportunidade! (O preço estava muito bom!)

WhatsApp Image 2018-04-17 at 18.48.22
Momento registrado pelo poderoso celular com flash do Afronerd

Fim de feira, sem pulgas

Aproveitamos o final do evento para algumas gravações que serão postadas no Cabruuum em breve! O tema não é o Festival em si, mas conta com a participação de alguns expositores (alguns já citados neste texto, inclusive). Fiquem ligados =)

O encerramento do evento estava previsto para às 20h no sábado, mas acabamos saindo quase 1h depois, quando as capas e lonas já protegiam os quadrinhos nas mesas para o dia seguinte. Isso porque fomos apresentados aos amigos Everton e Milton Jr., do canal Tom Dutra.

Aliás, o Tom Dutra divulgou uma entrevista com o organizador do Festival Guia dos Quadrinhos, Edson Diogo. Estávamos prevendo entrevistá-lo no domingo, mas por conta de uma lesão no meu pé não foi possível =/

Então, gostaríamos de indicar o link desse trabalho feito pelos parceiros:


Para quem quiser saber mais sobre:

– O Festival Guia dos Quadrinhos: http://www.fgdq.com.br/

– O mercado de pulgas francês: http://marcheauxpuces-saintouen.com/1en.aspx

– O Club Homs: http://clubhoms.org.br/

– O livro Vertigo: Além do Limiar: https://www.catarse.me/vertigo_alemdolimiar

– O canal Tom Dutra: https://www.youtube.com/channel/UCzovKCwQOsJgzA5DQzpS_SQ

– O Instagram @afronerd_: https://www.instagram.com/afronerd_/

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s